Preocupados com ataques de Bolsonaro às eleições, EUA travam vendas de mísseis ao Brasil

  • 08/08/2022
  • 0 Comentário(s)

Preocupados com ataques de Bolsonaro às eleições, EUA travam vendas de mísseis ao Brasil

O pedido militar brasileiro está parado em Washington há meses, diz a agência Reuters. Deputados e senadores democratas estão preocupados com os questionamentos de Jair Bolsonaro às eleições brasileiras.

Um pedido militar brasileiro para comprar mísseis antitanque Javelin no valor de até US$ 100 milhões está parado em Washington há meses, devido às preocupações dos legisladores norte-americanos com os ataques do presidente Jair Bolsonaro ao sistema eleitoral. As informações são da agência Reuters.

A oferta do governo brasileiro para adquirir cerca de 220 lanças foi feito durante o mandado de Donald Trump, aliado de Bolsonaro, na Casa Branca. O Departamento de Estado dos Estados Unidos aprovou a proposta no fim de 2021, apesar das objeções de algumas autoridades de baixo escalão.

Segundo a Reuters, o acordo confidencial está estagnado em um 'limbo jurídico' em razão das preocupações crescentes entre deputados e senadores democratas com os questionamentos que Bolsonaro tem feito sobre a integridade das próximas eleições no Brasil.

Os mísseis fabricados pelos EUA ganharam notoriedade em razão do uso pelas forças ucranianas contra blindados russos, desde a invasão da Ucrânia, em fevereiro. O pedido de compra do Brasil foi adiado em um recado dos democratas a Bolsonaro e os militares brasileiros. O governo de Joe Biden tem ficado cada vez mais em alerta sobre os comentários do presidente sobre as eleições.


#Compartilhe

0 Comentários


Deixe seu comentário








Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Top 5

top1
1. Bruno e Marrone

Na Conta Da Loucura

top2
2. Cleiton e Camargo

Parabéns por que

top3
3. Chico Rey e Paraná

De lá pra cá

top4
4. Zezé di Camargo e Luciano

Flores em vida

top5
5. Trio parada dura

Castelo de amor

Anunciantes